Novo dispositivo de atendimento no Consulado de Portugal em Bruxelas

A partir de 1 de outubro, o atendimento ao público na Secção Consular de Bruxelas passará a efetuar-se por marcação prévia. Os utentes que desejam ser recebidos terão que solicitar obrigatoriamente a referida marcação por mail ou por telefone.

Este novo dispositivo de atendimento já foi inaugurado em Londres, Luxemburgo ou ainda Paris e os resultados não são os melhores : em média, os utentes têm que esperar de 3 a 8 semanas para serem atendidos.

Alerta-me também a pouca divulgação que houve até agora para promover o novo modelo de atendimento. Embora a Embaixada tenha divulgado a informação no seu site desde meados de agosto, não creio que a comunidade portuguesa da Bélgica esteja devidamente a par desta novidade. Temo que muitos compatriotas se desloquem ao Consulado sem serem atendidos no próprio dia, como é o caso habitualmente, por não terem sido atempadamente informados. Uma situação que poderia ser evitada se o novo dispositivo fosse lançado sem precipitação.

É de referir que um quarto da comunidade portuguesa da Bélgica não vive em Bruxelas. Os portugueses que virão de Liège, só para dar este exemplo, irão percorrer um total de 200 km e voltar a casa com as mãos a abanar. Idealmente, o sistema de marcações prévias deveria ser complementado pelas permanências consulares (consulados móveis) nas regiões mais afastadas de Bruxelas para poder dar resposta à procura de uma comunidade em constante crescimento.

Para informação, as marcações efetuam-se por e-mail: atendimento@bruxelas.dgaccp.pt ou pelo telefone: 02/286.43.77 de segunda a sexta-feira, entre as 9h00 e as 12h00 horas.

Melhores cumprimentos,

 

Pedro Rupio, 21 de setembro de 2015